Militar foi sepultado no cemitério Jardim Metropolitano — Foto: Marina Alcântara/Sistema Verdes Mares

O corpo do cearense André Filipe Victor Figueiredo foi enterrado no cemitério Jardim Metropolitano, em Fortaleza, na tarde desta terça-feira (20). Natural da capital cearense, André morava no Rio de Janeiro e era cabo no Esquadrão VF-1, unidade de aviões de caça, da Marinha do Brasil.

O jovem desapareceu no dia 11 deste mês no Lago do Amor, em Arraial do Cabo, Região dos Lagos (RJ), e foi encontrado morto na quinta-feira (15), na localidade conhecida como Saco do Cherne, também em Arraial do Cabo.

PUBLICIDADE

Durante o velório, Josué Figueiredo lembrou que o irmão gostava do mar e tinha espírito aventureiro.

“Meu irmão era uma pessoa maravilhosa. Estava fazendo o que gostava, fazendo trilha e mergulhando com os amigos. Me conforta saber que ele deixou um legado e fez a diferença na vida de muita gente”, disse.

Imagens de uma câmera que estava com o cabo mostram o momento em que a forte onda atingiu o militar — Foto: Victor Figueiredo/Arquivo Pessoal

Dois dias antes do corpo ser localizado, foi encontrada uma câmera que estava com o cabo. Há imagens mostrando o momento em que a forte onda atingiu o militar. Uma mochila com pertences de André Filipe também foi encontrada. As buscas contaram com botes, motos aquáticas, drones, uma aeronave e um barco da Marinha.

Corpo de cabo da Marinha desapareceu no Lago do Amor e foi encontrado na Enseada do Cherne, em Arraial do Cabo, no RJ — Foto: Reprodução/Google Maps

Corpo de cabo da Marinha desapareceu no Lago do Amor e foi encontrado na Enseada do Cherne, em Arraial do Cabo, no RJ — Foto: Reprodução/Google Maps

Nordeste Notícia
Fonte: G1

Comente com Facebook