O ex-presidente Michel Temer foi preso nesta quinta-feira (21) pela força-tarefa da Lava-Jato do Rio de Janeiro. Segundo o portal G1, há ainda um mandado de busca e prisão  contra o ex-ministro de Minas e Energia, Moreira Franco.

Moreira Franco e Temer foram citados por delatores e doleiros, investigados no âmbito da Lava-Jato, mas ainda não há detalhes sobre o motivo das prisões.

 O ex-presidente responde a dez inquéritos. Cinco deles tramitavam no Supremo Tribunal Federal (STF), pois foram abertos à época em que o emedebista era presidente da República e foram encaminhados à primeira instância depois que ele deixou o cargo.

Aguarde mais informações

Nordeste Notícia
Fonte: UOL

Comente com Facebook