A prisão aconteceu na madrugada desta quinta feira 07/11/2019, na cidade de Ipueiras, quando foi preso, um comerciante G. (dono de uma loja de móveis).

Segundo informações o empresário está em processo de separação porém não aceita o fim do casamento, e durante a madrugada o mesmo foi até a residência de sua sogra localizada no – Centro de Ipueiras, onde agrediu a socos e ponta pés a sua ex-esposa.

PUBLICIDADE

O acusado ainda chegou a agredir o seu cunhado, o qual teria tentado evitar que o empresário agredisse sua ex-companheira.

Após o ocorrido, o empresário evadiu-se do local, e minutos depois retornou ao local já armado com um revólver calibre 38 onde veio a efetuar alguns disparos para alto, foi quando populares acionaram a polícia militar indo ao local a viatura comandada pelo sargento Robério e equipe, onde efetuaram a prisão do empresário o qual foi encaminhado para a delegacia de polícia civil de Crateús, onde foi apresentado ao Delegado plantonista Dr Luiz Artur.

Na delegacia o acusado foi Autuado em flagrante pelo crime de ameaça, crime de lesão corporal/violência doméstica contra a sua ex-companheira, crime de lesão corporal contra o seu cunhado, ainda pelo crime de disparo de arma de fogo e porte ilegal de arma.

Em entrevista a nossa reportagem o delegado Dr Luiz Artur disse que o acusado não quis alegar absolutamente nada e reservou-se ao direito constitucional de permanecer em silêncio.

Ainda segundo o delegado o que foi apurado, que a motivação teria sido único e exclusivamente devido ao fim do relacionamento com a esposa.
O acusado segue preso aguardando a audiência de custódia.

Já seu cunhado em conversa com a nossa reportagem disse que sua irmã era casada a mais de 20 anos com o acusado com quem teve dois filhos, porém agora o casal está separado e o acusado não aceita o fim do casamento.

Nordeste Notícia

Comente com Facebook