Morreu o maior jogador argentino de todos os tempos. Diego Armando Maradona sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu.

Segundo o jornal argentino Clarín, primeiro veículo a divulgar a morte do craque ex-Boca Júnior, Barcelona e Napoli, morreu após um mal súbito, provocado por uma parada cardiorrespiratória.

PUBLICIDADE

Maradona havia passado, ainda neste mês de novembro, a uma delicada cirurgia no cérebro. Ele recebeu alta da clínica de Olivos onde estava internado em Buenos Aires. Cerca de 15 dias depois, a notícia que já abala toda a nação argentina e todo universo do futebol.

Mais informações em instantes

Comente com Facebook