Legenda: O estado de saúde dos sobreviventes também não foi divulgado. Os feridos foram encaminhados pelas equipes de resgate para hospitais em Taquarituba, Taguaí e Fartura.
Foto: Reprodução/TV

Um acidente entre um ônibus e um caminhão deixou pelo menos 41 mortos em Taguaí, cidade no de São Paulo há cerca de 300 km da capital, na manhã desta quarta-feira (25). Até 12h40, eram 41 mortos. As informações são do portal G1.

Ônibus levava funcionários para empresa

A colisão ocorreu no km 172 da Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, por volta de 7h. O ônibus levava cerca de 52 funcionários de uma empresa têxtil para a sede da confecção na cidade, além do motorista. Os trabalhadores saíram das cidades de Itaí e Taquarituba, segundo a Prefeitura de Taguaí.

PUBLICIDADE

O motorista do caminhão foi socorrido com vida e levado ao pronto-socorro da cidade de Fartura.

O ônibus levava cerca de 52 funcionários de uma empresa têxtil
Legenda: O ônibus levava cerca de 52 funcionários de uma empresa têxtil
Foto: Arquivo Pessoal

As vítimas e os feridos ainda não foram identificados pela polícia. O último boletim indica que há 11 feridos atendidos nos hospitais de hospitais de Taguaí, Fartura e Taquarituba. Os corpos das vítimas estão sendo levados para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade de Avaré.

A rodovia foi interditada para atendimento da ocorrência pelas equipes dos bombeiros, da Polícia Rodoviária e da Polícia Militar. O local estava bloqueado pelo menos até as 11h30.

advogado Emerson Fernandes, que representa a Stattus Jeans, empresa têxtil onde os funcionários trabalhavam, afirmou que o ônibus que levava os trabalhadores era contratado pelos próprios funcionários, sem ligação com a empresa. Fernandes afirmou ao portal Uol que todos os funcionários eram da cidade de Itaí e que a empresa está trabalhando, junto com a Prefeitura de Itaí, para liberar os corpos o mais rápido possível.

Segundo a Polícia Militar, este é o maior acidente nas rodovias do estado registrado neste ano. A suspeita da polícia é de que uma ultrapassagem teria provacado o acidente. Após a colisão, o caminhão invadiu uma propriedade rural.

Feridos em estado grave

De acordo com o porta-voz da PM, tenente Guedes, as informações sobre vítimas podem mudar, pois o local é de difícil acesso e há vários feridos em estado grave. Guedes afirmou que há pessoas presas às ferragens sendo socorridas.

Um dos médicos da Santa Casa de Taquarituba, Gabriel Ortega, disse ao G1 que as equipes procuram transferir para outros hospitais algumas das vítimas. Na unidade, estão sendo atendidas seis vítimas do acidente, três delas em estado grave. Outras duas pessoas que estavam sendo transferidas para a Santa Casa não resistiram e morreram no caminho.

secretário estadual de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, pediu para que a população vá aos hemocentros para doar sangue e afirmou que há risco de não conseguir dar a devidade assistência às vítimas.

Legenda: As vítimas e os feridos ainda não foram identificados pela polícia.
Foto: Reprodução

A Star Turismo, empresa dona do ônibus que levava as vítimas, afirmou ao UOL que irá emitir nota quando obter todas as informações. A empresa ressaltou que todos os esforços estão sendo direcionados para o socorro dos envolvidos.

Luto oficial

A Prefeitura de Taguaí decretou luto oficial de três dias na cidade. “Externamos nossos sinceros sentimentos às famílias, amigos, à empresa e colegas de trabalho destes que se foram. Dia triste.”, afirmou a prefeitura em publicação nas redes sociais.

Comente com Facebook