A Polícia Militar do Ceará prendeu, nesta segunda-feira (8), José de Oliveira Sousa, de 43 anos, suspeito de matar a travesti Larraya, de 53, em Sobral, na Região Norte do Estado. O crime aconteceu na madrugada desta segunda, no Centro da cidade, e foi gravado por câmeras de segurança de estabelecimentos comerciais próximos.

Nas imagens, Larraya está atravessando a rua na faixa de pedestres quando José chega por trás, correndo, e a puxa pelo braço. Ele chega a puxar o cabelo dela antes de a empurrar no chão.

 

 

José foi capturado pelos policiais de manhã, por volta das 9 horas, na Praça do Patrocínio, e conduzido à Delegacia Regional da Polícia Civil em Sobral. Lá, foi autuado em flagrante por homicídio e levado, depois, para a Penitenciária Industrial Regional do município.

Segundo informações da Polícia, o homem já responde por um outro homicídio praticado em 2015. À época, ele chegou a ficar preso por apenas cinco meses.

O CRIME

Até o momento, a Polícia Civil suspeita que José achou que Larraya havia furtado sua bicicleta. Por causa disso, ele teria seguido a vítima, a puxado pelo braço e a atirado no chão, onde ela bateu com a cabeça e ficou deitada, imóvel. Ele se limitou a sentar num batente ao lado, de braços cruzados, e ficar olhando para o corpo.

Diário do Nordeste apurou ainda que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionado, mas Larraya morreu no local.

       
Curta nossa página!
   
Envie sua notícia, clique na imagem!