Um professor de música foi preso nesta quarta-feira (7) por abuso sexual a alunas no município de Graça, no interior do Ceará. Ele foi indiciado por estupro de vulnerável e preso hoje no município de Mucambo. A captura foi requerida pelo Ministério Público do Ceará e acatada pela Justiça.

Conforme as investigações, o acusado aproveitava-se da condição profissional em escola pública da cidade de Graça para praticar atos libidinosos contra alunas menores de 18 anos. Para cometer os abusos sexuais, o professor ficava a sós com as vítimas, afirmando que daria aulas particulares em sua casa ou chamando as alunas para salas da escola sem câmeras e afastadas.

Em 18 de dezembro de 2020, o professor foi denunciado pelo MP porque, em agosto do mesmo ano, praticou ato libidinoso diverso de conjunção carnal com uma menina de 10 anos. O Ministério Público pediu a prisão preventiva do professor, para garantia da ordem pública, com base no artigo 312 do Código de Processo Penal, e devido à alta possibilidade de o infrator esquivar-se da aplicação da lei penal.

   
Curta nossa página!
   
Envie sua notícia, clique na imagem!