Hospital Leonardo da Vinci, em Fortaleza, deve receber novos leitos nesta sexta-feira (26). — Foto: Divulgação/Governo do Ceará

O Hospital Leonardo da Vinci, no Bairro Aldeota, em Fortaleza, está com 95,35% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ocupados, de acordo com o IntegraSUS, plataforma da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) — os dados foram atualizados às 21h07 desta quinta-feira (25). Dos 129 leitos de UTI, a unidade hospitalar possui 123 pacientes internados.

Na última segunda-feira (22), o governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou que parte dos novos leitos que estão sendo construídos para UTI e enfermaria no Leonardo da Vinci, começam a ser entregues nesta sexta-feira (26). A taxa de ocupação dos leitos de enfermaria na unidade atingiu 97,22% (há pacientes em 70 dos 72 leitos da unidade).

PUBLICIDADE

A unidade é o principal centro de atendimento a pacientes de média e alta complexidade de Covid-19 no Ceará, sendo adquirida pelo Governo do Estado da iniciativa privada. O hospital chegou a ter 150 leitos de UTI para o tratamento da doença no pico da pandemia.

 

Risco alto ou altíssimo em 170 cidades do Ceará

Na última semana, Camilo anunciou que mais de mil leitos devem ser abertos no Ceará até o fim de março. Em todo o estado, a ocupação de leitos de UTI está em 92,2%, e 70,98% nos leitos de enfermaria, segundo o IntegraSUS.

No Ceará, 420.369 casos de Covid-19 foram confirmados até esta quinta; desses, 11.184 pessoas não resistiram e faleceram devido à doença.

Ao todo, 1.319.174 casos de coronavírus já foram notificados no Ceará. O estado possui ainda 47.822 casos em investigação. Dois óbitos ocorreram nas últimas 24 horas, e a taxa de letalidade da doença no estado é 2,7.

 

 

 

 

Nordeste Notícia
Fonte: SVM

Comente com Facebook

Clique na imagem!