Foi preso na tarde desta terça-feira (26) o técnico de laboratório suspeito de estuprar uma paciente internada em um hospital municipal de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza. O crime aconteceu na quarta-feira (13), quando a paciente, de 47 anos, estava sedada.

O autor do crime foi preso por policiais da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) em cumprimento a um mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça cearense. A polícia trata o caso como estupro de vulnerável.

PUBLICIDADE

De acordo o Hospital Municipal Doutor Abelardo Gadelha da Rocha, o suspeito foi contratado pela Cooperativa de Atendimento Hospitalar (COAPH) para prestar serviço à unidade.

Após ser registrado um boletim de ocorrência denunciando o crime, a polícia passou a investigar o caso e conseguiu identificar o autor do crime. Ele foi localizado em uma residência da no Bairro Toco, no Distrito São Domingos.

Ele foi conduzido para a delegacia especializada, onde o mandado de prisão preventiva foi cumprido.

 

Crime denunciado ao Ministério Público

A unidade hospitalar afirmou em nota que, quando tomou ciência do caso, denunciou o crime à polícia, ao Ministério Público do Ceará e informou à Secretaria de Saúde, “que comunicou ao Procurador Geral do Município, o qual determinou a instauração de sindicância para apurar eventuais responsabilidades”.

“Com muita honestidade e lisura, a direção informou a família da vítima o ocorrido. Diante de um fato criminoso e inadmissível, a direção do Hospital pediu o imediato afastamento do cooperado. Nos solidarizamos com a família da vítima e disponibilizamos todo atendimento psicológico e social tentando com isso minorar o sofrimento da vítima e sua família.

Em nota, o Ministério Público informou que irá oficiar o Hospital Municipal Abelardo Gadelha da Rocha sobre o caso.

Comente com Facebook

Clique na imagem!