Legenda: O médico não havia conhecido ainda uma neta que teve durante a pandemia
Foto: Divulgação

O cirurgião e urologista Francisco José Bezerra, 66, foi o escolhido para ser o primeiro cidadão do município de Crateús a receber a vacina CoronaVac, contra a Covid-19. “A sensação é como se estivéssemos na cadeia, e agora nos livramos”, disse ao receber a dose, na noite desta segunda-feira (18).

O médico trabalhou na linha de frente durante a pandemia no município. Ele é funcionário do Hospital Municipal há 40 anos. Em maio de 2020, Francisco operou uma paciente diabética e assintomática, quando foi contaminado. 

“Fiquei com 70% dos pulmões comprometidos, sofri um bocado. Mas, graças a Deus e a ajuda dos colegas que me trataram com muita atenção e respeito, fiquei bem”, complementou o médico.

PUBLICIDADE

Alívio
Segundo Francisco, que também é vice-prefeito de Crateús, a sensação é de alivio. “É um momento de muita esperança para que a gente acabe com essa pandemia, que vem causando tantos prejuízos a todo mundo, do ponto de vista psicólogico, e de relacionamento”, refletiu.

“É preciso mostrar a população que não tenha medo da vacina, que foi feita por tantos gênios, tanta gente boa”, Francisco José Bezerra.

O cirurgião teve uma neta durante a pandemia. “Ainda nem conheci a ‘bichinha’, e, agora sim, vou até chegar perto da minha princesa”, relatou.

No Ceará

Após atraso, a vacina contra a Covid-19 chegou ao Ceará por volta das 17h45 desta segunda-feira (18). O avião com 218 mil doses pousou no Terminal de Aviação Geral, o Aeroporto Antigo de Fortaleza. O material está sendo distribuído aos 184 municípios cearenses em aeronaves da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

O primeiro lote das vacinas deve imunizar 109 mil pessoas em todo o Estado, considerando que cada pessoa precisa de duas doses.

De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), a logística para a distribuição das vacinas inclui aviões, helicópteros e caminhões, sendo seis rotas aéreas e duas terrestres.

 

 

 

Nordeste Notícia
Fonte: Diário do Nordeste

Comente com Facebook

Clique na imagem!