O crime aconteceu nesta sexta feira dia  11/12/2020, por volta das 23h30min a Polícia Militar da cidade de Ipueiras,  através da viatura 7422 composta pelo sargento  Ramos, e SD  R. Silva, foram informados  que no Distrito de Engenheiro João Thomé (CHARITO), zona rural de Ipueiras teria ocorrido um homicídio.
De pronto as equipes do destacamento de Ipueiras e a Viatura 7252 da Força Tática de Nova Russas comandada pelo SD  Olavo e SD  Carvalho se deslocaram até o local e se depararam com a vítima (Irene Camelo Moura) deitada ao solo e o seu ex-companheiro (Francisco Manaury Pereira de Oliveira) sobre o corpo da vítima com uma lesão no pescoço produzida possivelmente por uma arma branca, pois ao lado do casal havia uma Faca.
Uma equipe do SAMU foi acionada através da USB-216 tendo como socorrista a Técnica de Enfermagem Conceição e o Motorista Hélio que confirmaram o óbito da vítima e socorreram ainda com vida seu ex-companheiro ao hospital municipal de Ipueiras Otacílio Mota, onde foi entubado e transferido para a Santa Casa de Sobral em estado grave.
De acordo com informações da irmã da vítima a Senhora Irmiliana Camelo Moura era por volta das 23h00min quando recebeu uma ligação do Francisco Manaury relatando que teria cometido o homicídio contra sua ex-companheira Irene Camelo e que em seguida tentaria o suicídio, momento em que os familiares se dirigiram para a residência no intuito de salva-la, populares ainda informou ter ouvido dois disparos de arma de fogo, no entanto até o presente momento nenhuma arma de fogo foi localizada. O local foi isolado e acionado o IML junto com o Rabecão de Sobral para a remoção corpo.
A vítima: Irene Camelo Moura, residente no distrito de Charito, zona rural de Ipueiras.
O acusado trata-se de Francisco Manaury Pereira de Oliveira, residente na localidade de Pau D’arco, zona rural de Ipueiras.
                       Acusado internado.
DETALHES:. A vítima era mãe de uma criança de apenas 1 ano de idade, que por sinal a criança estava na residência quando a mãe foi assassinada. O acusado passou a se relacionar com a vítima a mesma já estava grávida (a criança era filha apenas da Irene), daí os dois passaram a morar juntos. O casal passou um tempo morando na localidade de Quixeré/Ipueiras, mais depois com a separação Irene foi morar no Charito.

Irene era cunhada do Lúcio da Topic, cidadão bastante conhecido na comunidade de Charito. O acusado não aceitava o fim do relacionamento e este teria sido o motivo do crime.
                         Vítima e acusado.
CAUSA MORTE:. A perícia do IML constatou que Irene foi morta com uma forte pancada na cabeça, o que leva a perícia acreditar que o acusado tenha batido com a cabeça da mulher na porta da residência.
Vale ressaltar que no momento do crime, a Irene estava sozinha com dia filha de 1 ano, quando o indivíduo chegou e cometeu a tragédia.
SOCORRO:. Francisco Manaury foi socorrido para o hospital Municipal de Ipueiras, e em seguida transferido para a Santa Casa de Sobral, sob escolta policial.
ESTADO DE SAÚDE:. Na manhã deste sábado (12/12) a nossa reportagem entrou em contato com fontes que trabalham dentro da Santa Casa, e fomos informados que Francisco Manaury passou por um procedimento cirúrgico na garganta e segue internado em um dos leitos da Santa Casa, e com uma grande chance de sobreviver.
Ainda segundo a fonte, Francisco Manaury está praticamente fora de perigo.
O acusado segue internado e quando receber alta médica, o mesmo será levado para a delegacia de polícia onde será autuado em flagrante pelo crime de homicídio.
Vale ressaltar que este foi o sétimo Homicídio registrado no mês de dezembro  na região do 7°BPM.
                         Acusado.
Nordeste Notícia 
Fonte: Ipaporanga Notícia

Comente com Facebook

Clique na imagem!