O fato ocorreu nesta segunda feira dia 23/11/20 por volta de 09h30min, quando a composição da CP 7342, composta pelo sargento Ramos, e SD Rufino foram acionados pela senhora Diana, que se encontrava na Delegacia de Ipueiras, dando informações que possui uma medida protetiva em desfavor de seu ex-companheiro o senhor Damião.

E que na noite do dia 22.11.20, no horário de 23h00min., na localidade de Ipuzinho, zona rural de Ipueiras, o Acusado teria invadido sua residência e de posse de uma foice teria destruído seus pertences, como também proferido ameaças contra sua pessoa. Logo a composição policial deslocou-se a residência da vítima, não encontrando o acusado. Contudo ao retornar a delegacia de Ipueiras, os PMs se depararam com o acusado transitando pelas estradas carroçáveis da localidade de Lagoa do Arroz, zona rural de Ipueiras, onde foi lhe dado voz de prisão e apresentado a autoridade policial para a lavratura dos procedimentos cabíveis, sendo autuado nos artigos Artigo 147 (ameaça) e 163 (danos) do CPB, artigo 5º inciso III e artigo 7º inciso II e IV, artigo 24 – A (descumprimento de medida protetiva) ambos da lei Maria da Penha.

PUBLICIDADE

A vítima foi a senhora: Diana Rodrigues Lima, filha de Tereza Bezerra Rodrigues e Pedro Ferreira Lima, 23 anos, Amasiada, Natural de Ipueiras, Residente no Sitio Ipuzinho – Ipueiras.

O Acusado trata-se do : Damião Martins da Silva, Filho de Cícera Martins da Silva e Raimundo Pereira da Silva, 30 anos, Amasiado, servente, natural do Rio de Janeiro, Residente na Localidade de Barriguda, zona rural de Ararendá.

Comente com Facebook