Um homem suspeito de estuprar a própria afilhada, de 14 anos, foi preso na tarde dessa segunda-feira (16), no município de Ubajara, na Serra da Ibiapaba. A vítima havia relatado os abusos em uma carta destinada a uma colega de escola. A mãe, que formalizou a denúncia, descobriu os abusos sexuais sofridos ao ler o texto de desabafo da filha. O homem foi encaminhado para a Delegacia Regional de Tianguá.

Conforme a Polícia Militar do Estado do Ceará, o suspeito, de 46 anos, foi preso preventivamente após uma solicitação do Ministério Público do Ceará (MPCE) acatada pela Comarca de Ubajara. Logo após, uma equipe do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) de Tianguá realizou a captura do homem, que não resistiu à prisão, na própria residência.

PUBLICIDADE

A PM informou ainda que padrinho foi autuado por estupro de vulnerável. De acordo com a Delegacia Regional de Tianguá, o suspeito será encaminhado para a Cadeia Pública de Guaraciaba do Norte.

“A justiça está sendo feita.”

A mãe da jovem afirmou que a notícia da prisão foi reconfortante. “Apesar de ser uma prisão preventiva, eu estou aliviada. Ele sabia que isso iria acontecer. Eu não iria deixar impune o que aconteceu. A prisão dele causou um grande abalo para a família da minha irmã, mas a justiça está sendo feita”, disse.

De acordo com a mulher, a filha afirmou sofrer os abusos sexuais do padrinho desde a infância, quando a vítima passou a morar, durante a semana, na residência do suspeito enquanto os pais viajavam a trabalho.

Nordeste Notícia
Fonte: Diário do Nordeste

Comente com Facebook