Dois municípios cearenses chegaram a constar entre os com a temperatura mais elevada do País nesta sexta-feira (9), segundo informações do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A relação apresentou Jaguaribe, com 39,3º C e Sobral, com 38,6ºC.

No penúltimo dia de outubro, Jaguaribe chegou a liderar o ranking. Segundo dados do Inmet, a cidade cearense chegou a registrar 38,6º.

Na quarta-feira (7), o Ceará recebeu chuvas em 30 municípios. Apesar das precipitações dos últimos dias, as temperaturas devem permanecer altas, cenário típico do mês de novembro no Ceará. Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a previsão também é de que o tempo continue seco nos próximos dias, embora os índices de umidade possam a aumentar em relação aos registros coletados em outubro.

Queimadas
Além das temperaturas altas e do tempo seco, outra característica marcante do mês de novembro é o pico do número de foco de queimadas. Conforme o Inpe, o Ceará registra, em média, 1.871 casos.

“As queimadas, que alcançam seu ápice em novembro, começam a crescer em outubro indo até dezembro. Além da influência das condições secas, que já são um agravante por si só, há uma forte cultura das queimadas no Ceará, especialmente no fim do ano, quando são realizadas para fins de cultivo agrícola”, explica o supervisor da Unidade de Tempo e Clima da Funceme, Raul Fritz.

Nordeste Notícia
Fonte: Diário do Nordeste

Comente com Facebook