O ponto conquistado pelo Ceará no empate por 0 a 0 com o Fluminense, no Maracanã, pela 35ª rodada da Série A, proporcionou ao time alvinegro abrir 2 pontos para zona de rebaixamento, ganhando um fôlego na luta pela permanência. Na 14ª colocação, com 39 pontos, o Vovô tem mais 3 jogos para garantir seu “fico” na elite do futebol brasileiro, mas a salvação pode vir antes disso, com uma rodada de antecedência. Ou seja, não definindo sua vida no jogo final, no dia 2 de dezembro, contra o Vasco, no Castelão, cenário sonhado pela torcida alvinegra.

Para que a permanência ocorra já no domingo, contra o Atlético/PR, na Arena da Baixada, às 16 horas, o Vovô tem duas possibilidades. A primeira seria conquistando 3 pontos, ou seja, vencendo o Paraná, na quinta-feira, no Castelão, e até perdendo para o Atlético/PR no domingo. A equipe de Lisca chegaria aos 42 pontos e não cairia mais, caso três de seus quatro rivais diretos (Sport, Chapecoense, América e Vitória) somem um ponto em duas rodadas.
O Leão pernambucano joga contra Chapecoense e São Paulo, ambos fora; o time catarinense recebe o Sport e visita o Corinthians, enquanto o Coelho visita o Palmeiras e recebe o Bahia. Já o Vitória, um pouco atrás na tabela, visita o Cruzeiro e recebe o Grêmio.A explicação seria simples, já que com 42 pontos, o Ceará abriria 4 pontos para pelo menos 3 rivais diretos – o Paraná já está rebaixado – e não poderia mais ser ultrapassado por eles na última rodada.

O segundo cenário é com o Vovô somando 4 pontos, ou seja, vencendo o Paraná e empatando com o Atlético/PR. Se chegar aos 43 pontos, o Ceará ganha uma margem maior de pontuação de seus adversários. Se somar 4 pontos, Ceará se salva após a 37ª rodada se o Vitória conquistar apenas 3 pontos, Chapecoense ou América/MG ou Sport somarem apenas 2 pontos (empatando os dois jogos), além do Vasco somar apenas um.

Chances
]Pela tabela mais difícil de seus rivais diretos, as combinações para uma salvação antecipada do Ceará são perfeitamente possíveis com as referidas pontuações. O site Chance de Gol dá 70% de permanência com 42 pontos e 95% para um clube que chegar aos 43.
O técnico do Ceará, Lisca, analisa que, pelos resultados obtidos pelos times que lutam contra o Z-4, a pontuação necessária pode variar. O clube estipulava 44, mas para ele pode ser ainda mais baixa.
“A turma lá de baixo tá patinando, não apenas nós que estamos tropeçando. Esse ponto nos dá possibilidade de hoje estar em 14º e ficarmos perto da zona de corte, que hoje ninguém sabe mais qual é. Já baixou para 44 pontos e como os concorrentes diretos não estão pontuando muito, pode baixar mais”, acredita.
Hoje, as chances de rebaixamento são: Ceará (5,4%), Vasco (25,3%), Sport (50,3%), Chapecoense (53,5%), América/MG (72,6 %) e Vitória (92,6 %).

Bônus
]Mas se o aproveitamento do Ceará for melhor nas rodadas finais, como por exemplo duas vitórias, somando 7 pontos (duas vitórias e um empate) ou até 9 pontos (3 vitórias), o clube tem grande chance do “bônus” após o jogo contra o Vasco, no Castelão: a vaga na Copa Sul-Americana.
Hoje a chance do Vovô de chegar à classificação do torneio continental é de 10,6 %, mas encerrando a Série A ganhando mais uma posição na tabela – a 13ª – garantiria o Ceará na Sul-Americana.

Nordeste Notícia
Fonte: Diário do Nordeste