As eliminações de Grêmio e Palmeiras da Libertadores – derrotados por River e Boca, que farão a maior final da história do futebol de clubes desde sempre – determinaram que o campeão da Série B 2018 terá vaga direta nas oitavas de final da Copa do Brasil do ano que vem.

O regulamento específico da Segundona, de forma clara, aponta o seguinte, no § 6º do artigo 4º:

§ 6º – O clube que conquistar o título da Série B de 2018 disputará a Copa do Brasil de 2019 a partir da fase de Oitavas-de-Final. Caso o clube obtenha o benefício de acessar a Copa do Brasil 2019 a partir das Oitavas-de-Final por disputar a Copa Libertadores de 2019, tendo conquistado a Copa do Brasil de 2018, a vaga será repassada ao vice-campeão da Série B de 2018. Porém, se em 2019 o número de representantes brasileiros na Copa Libertadores for de 09 (nove) clubes, hipótese possível só em caso de os campeões da Copa Libertadores e da Copa Sul-Americana de 2018 serem clubes brasileiros, o classificado pela Série B de 2018 disputará a Copa do Brasil de 2019 a partir da Primeira Fase, se obtiver classificação para o certame, conforme critérios constantes no regulamento específico da Copa do Brasil

Líder do torneio com 61 pontos e detentor, hoje, de 90% de possibilidades confirmar a conquista, o Fortaleza, em caso de título, garante assim um calendário mais folgado no primeiro semestre – já terá Copa do Nordeste e Campeonato Cearense para disputar – e uma cota de R$ 2,4 milhões por entrar nas oitavas de final da Copa do Brasil.

O elenco comandado por Rogério Ceni joga no próximo sábado, às 17 horas, diante do Atlético-GO, em Goiânia, jogo válido pela rodada 34 da Série B.

Nordeste Notícia
Fonte: O Povo