A decisão do PT sobre a substituição do candidato à Presidência deve ser comunicada a aliados e militantes na tarde desta terça-feira, 11, em frente à Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está preso desde abril. O ex-prefeito Fernando Haddad deve ser oficializado como candidato na cabeça de chapa da coligação.

Apoiadores estão sendo chamados para um ato no terreno da “vigília” de apoio a Lula a partir das 15 horas. O horário do anúncio, porém, pode ser alterado conforme os desdobramentos da reunião da Executiva Nacional do PT, marcada para começar às 11 horas em um hotel da capital paranaense.

Enquanto o PT sacramenta sua decisão, os outros partidos da coligação marcaram reuniões em São Paulo para oficializar em ata a substituição na chapa, que terá Manuela D’Ávila (PCdoB) na vice.

Agência Estado