No Bairro Aerolândia, intensas chuvas causaram alagamentos. Foto: José Leomar

As fortes chuvas registradas em Fortaleza nesta quinta-feita (10) já acumularam um volume de 86.2 mm, informou a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Segundo o órgão, o resultado corresponde à terceira maiorprecipitação do ano na Capital cearense e pode ficar ainda mais elevado, já que nem todos os postos da cidade tiveram seus dados recolhidos até o momento.

Conforme a Funceme, a maior chuva de 2018 em Fortaleza foi observada no dia 10 de março, quando a cidade registrou 115 mm no posto do Pici. No dia 16 de abril, a Capital voltou a apresentar um alto volume de precipitações, com 90.8 mm. Como o volume computado no posto Pici ainda não foi recolhido nas últimas 24 horas, há a possibilidade de esses resultados serem superados, informou a Fundação.

Apesar da forte chuva em Fortaleza, a Capital cearense não registrou a maior precipitação do Ceará nesta quinta. Isso porque na cidade de Uruoca, na região Noroeste do Estado, as precipitações atingiram 106 mm nas últimas 24 horas.

chuva

Congestionamentos e incidentes

Em diversos bairros da Capital, choveu fortemente por toda a madrugada e início da manhã desta quinta-feira (10). As precipitações causaram congestionamento em várias vias da cidade, principalmente nas avenidas mais movimentadas de Fortaleza. Na Av. Senador Carlos Jereissati, por exemplo, no bairro Dias Macêdo, um carro apresentou problemas mecânicos e ficou parado, causando forte trânsito ao longo da manhã.

Além dos congestionamentos, as chuvas também provocaram incidentes como a queda de árvores na Capital. Um dos casos aconteceu na Av. Virgílio Távora, esquina com a Rua Silva Jatahy, onde o trânsito ficou parcialmente obstruído. Fora isso, motoristas também registraram a ocorrência de semáforos apagados e pontos de alagamento em diversos pontos de Fortaleza.

Nordeste Notícia
Fonte O POVO