Gustavo comemora mais um golaço com a camisa do Fortaleza (Foto: Mateus Dantas/O POVO)

Fortaleza assumiu a liderança do Campeonato Cearense ao bater o Iguatu por 3 a 1, na noite desta sexta-feira, 25, no Castelão. Um dos destaques do jogo foi, mais uma vez, um golaço do centroavante Gustavo. Desta vez de voleio.

Apesar do placar com folga de 3 a 1, o Fortaleza levou um susto no início do primeiro tempo. Aos 7 minutos, Otacílio Marcos deu um drible da vaca em Diego Jussani e finalizou com categoria para o fundo das redes. O gol do rival acordou o time de Rogério Ceni.

Foi aí que entrou em cena Léo Natel. O camisa 7 do Fortaleza parece estar em todas as jogadas ofensivas do Tricolor. Na reação do Leão, saía dos pés dele as principais oportunidades do time.

E saiu da cobrança de escanteio de Natel o gol de empate do Fortaleza, aos 20 minutos da primeira etapa. O zagueiro Diego Jussani completou o cruzamento com uma forte cabeçada para o fundo das redes, sem chances para o goleiro Gleibson.

O atacante, que veio ao Fortaleza como uma aposta de Rogério Ceni, seguiu criando as melhores chances para o time após o empate. O Tricolor chegava, por vezes, ao ataque, mas pecava na finalização da jogada. Aos 45 minutos, falta para o Leão. Em jogada ensaiada, Natel cruzou na marca do pênalti para Gustagol completar de voleio.

No segundo tempo, o Fortaleza deu sequência ao domínio sob o Iguatu. Logo aos 2 minutos, Léo Natel foi premiado pelo bom momento. O atacante recebeu passe de João Henrique, ficando cara a cara com o goleiro rival, e deu um toque com categoria para balançar as redes. Foi o primeiro gol dele como jogador profissional.

Com o placar, o Fortaleza tirou o pé do acelerador. O jogo esfriou. No segundo tempo, Ceni colocou em campo João Henrique, Leonan e Germán Pacheco, que estreou com a camisa do Tricolor. Do trio, João teve o melhor desempenho, com assistência para o gol de Natel e boas jogadas no último pedaço do campo ofensivo do Leão.

O time de Rogério Ceni volta a campo no próximo domingo, 28, para enfrentar o Horinzonte, no Domigão. O Iguatu encara, no mesmo o dia, o Uniclinic, no Presidente Vargas.

Fonte: O Povo