Hernanes não levou o São Paulo à zona de classificação para a Libertadores, muito menos ao título do Brasileirão. Porém, chegou ao Tricolor em julho e terminou a temporada como símbolo da recuperação do clube na competição, deixando o Z-4, antes temido, distante. Isso fez do meia o “Craque da Galera” da edição de 2017.

Foram 1.832.876 votos no total. O “Profeta” teve 43,92% (mais de 805 mil), desbancando o artilheiro Jô, que fechou a votação com 36,37% (mais de 666 mil votos), e o experiente Juan, do Flamengo (19,71%).

Hernanes terminou a noite com três premiações: além do “Craque da Galera”, foi escolhido como um dos jogadores do meio-campo da seleção do campeonato e teve o gol de falta contra a Ponte Preta, na 23ª rodada, eleito como o mais bonito da edição de 2017.

    (Foto: GloboEsporte.com)
Fonte: Globoesporte.com